CAP 0
1º T
0'
5 0 CAM
Brasileirão 2019
Rodada 15
Time

Diante do Newell’s Old Boys, capitão Thiago Heleno pode completar 100 jogos pelo Furacão

Referência do atual elenco atleticano, o zagueiro Thiago Heleno está prestes a completar 100 jogos com a camisa rubro-negra. Desde janeiro de 2016 no Clube, o "general" soma 99 partidas, com 46 vitórias, 23 empates e 11 gols marcados.
"Fico feliz de completar essa marca por uma equipe tão grande, mas não quero parar por aqui. Tenho muito tempo de contrato e espero fazer muitos jogos pelo Atlético, para conquistar muitas coisas", comemorou Thiago Heleno.
A identificação do zagueiro com o Clube foi rápida. Em sua primeira temporada no Furacão, virou titular e conquistou o título do Campeonato Paranaense, marcando um dos gols do primeiro jogo da final. "Sempre fui muito verdadeiro, principalmente em campo, e agradeço ao torcedor pelo apoio neste período. Tenho que continuar mantendo esse nível", acrescentou.
Não por acaso, Thiago Heleno carrega atualmente também a braçadeira de capitão. "Nos últimos dois anos, já ajudava a liderar a equipe, mesmo sem a faixa de capitão. Assim como eu, muitos outros jogadores possuem essa liderança. Quero sempre ajudar dentro e fora de campo. Fico feliz de ser o capitão da equipe", destacou.
Thiago Heleno e a equipe atleticana estão concentrados no CAT Alfredo Gottardi para a estreia na Conmebol Sul-Americana. Às 19h15 desta quinta-feira (12), o Rubro-Negro recebe o Newell's Old Boys, da Argentina, no Estádio Joaquim Américo.
"A Sul-Americana é uma competição diferente, com modelos de jogos diferentes. Mas nós estamos preparados. Já disputamos outros confrontos de mata-mata e sabemos como devemos atuar. Temos que entrar ligados e concentrados, acreditando que podemos conquistar coisas grandes", afirmou.
O confronto de volta diante dos argentinos está marcado para o dia 10 de maio [quinta-feira], às 19h15, no Estádio Marcelo Alberto Bielsa, em Rosário.
"Não podemos mudar nosso jeito de jogar", frisou Thiago Heleno. "Vamos fazer aquilo que temos treinado. Qualidade todos têm, mas essa competição pede uma dedicação a mais. Jogando em casa, diante do nosso torcedor, temos que abrir vantagem para o duelo na Argentina", concluiu.